A Primeira ninguém esquece

De nada vale a pena questionarem e lamentarem a nossa presença neste espaço tão sério de Informação Taurina. Como podemos nós, esses arruaceiros da festa, esses selvagens do humor ordinário, esses malfeitores de jaqueta rameada, terem um espaço só seu num site tão distinto como este? Pois. Nós perguntámos o mesmo quando nos convidaram e…

PADILLA, GO HOME!

Podem abrir-lhe o peito, escarafunchar sem dó nem piedade, porque estamos certos de uma coisa: Em vez de um coração, Padilla tem no peito um motor Ferrari 3.9 litros biturbo V8, juntas de kryptonite, veias de cabo de aço, artérias autorregeneradoras e é bem capaz de, mesmo só com um olho, ter mais megapixéis do…