Madrid: Obras em Las Ventas irão durar dois anos

Esta manhã, em entrevista à Onda Madrid, o Presidente do Conselho de Assuntos Taurinos da Comunidade de Madrid, Ángel Garrido, afirmou que as obras de requalificação da Praça de Toiros de Las Ventas iniciar-se-ão após a Feira de San Isidro de 2018 e que durarão, pelo menos, dois anos.

Segundo Garrido, “a ideia é que o projecto seja feito em dois meses para que o mesmo seja imediatamente lançado a concurso público e que depois se possa começar logo a trabalhar nos espaços da Praça não destinados à tauromaquia”, acrescentando que “as obras poderão demorar cerca de dois anos”.

Para o Presidente do Conselho de Assuntos Taurinos da Comunidade de Madrid, o objectivo passa por transformar Las Ventas “numa praça do século XXI”. As grandes deficiências actuais do edifício residem na comodidade dos espectadores, tendo o projecto como fio condutor a idealização de “uma praça com garantias de segurança, acessibilidade e comunidade que requerem as infraestrutura do século XXI”.

Garrido garantiu ainda que o tempo das obras “não importa”, uma vez que o que a Comunidade de Madrid quer é que as mesmas “não prejudiquem a realização de espectáculos taurinos”. Aliás, acrescenta o Conselheiro, certas obras poderão decorrer normalmente paralelamente à realização de espectáculos tauromáquicos, sem que os afectem, como os melhoramentos nos acessos ou a instalação de tornos.

Quando questionado acerca de uma eventual indemnização da Comunidade de Madrid à empresa de Simón Casas, gestora do tauródromo, pelo facto de poder vir a não conseguir espectáculos não taurinos em virtude das obras de requalificação, Ángel Garrido garantiu que essa contra-prestação nunca irá acontecer. O Conselheiro argumenta essa posição alegando que o contrato prevê como objecto base da concessão a realização de espectáculos tauromáquicos, pelo que a realização de espectáculos de outra natureza, também contratualmente permitidas ao empresário, carecerá sempre de autorização por parte da Comunidade de Madrid: “O empresário sabia quais eram as condições”.

 

 

 

 

Fotografia: Ayer y Hoy

Ultimos Artigos

Artigos relacionados