Temporada Tauromáquica do Campo Pequeno arranca amanhã

A empresa gestora da tauromaquia no Campo Pequeno, Ovações e Palmas, programou uma Temporada Tauromáquica de grande nível em Lisboa, na principal praça de toiros do país, que contará com pelo menos 6 touradas.

A temporada tauromáquica de Lisboa arranca amanhã, depois de vários adiamentos provocados pelas restrições da 4ª vaga da pandemia, que também impediram a conclusão de todas as datas e cartéis.

A temporada será composta por seis corridas cujas datas são: 5 e 26 de Agosto, 9 de Setembro mais uma data a definir no mesmo mês, 1 de Outubro e mais uma data em Outubro, contando com grandes artistas nacionais e internacionais. Estas serão as seis datas inicialmente previstas, mas poderá realizar-se mais uma corrida extra. As corridas iniciam-se às 21h30.

Na noite de abertura, amanhã, vão lidar-se seis toiros imponentes da ganadaria de Canas Vigouroux, pelos cavaleiros António Ribeiro Telles, Marcos Bastinhas e Francisco Palha e pegados pelos Forcados de Lisboa e Coruche, estes que celebram 50 anos de existência. Antes da corrida será feita uma apresentação sobre a candidatura da Corrida de Toiros à lista do Património Cultural Imaterial de Portugal.

A 26 de Agosto lidam-se toiros de Veiga Teixeira, para um cartel de homenagem ao cavaleiro João Moura, que serão lidados pelos cavaleiros desta dinastia, João Moura pai, João Moura Jr. e Miguel Moura. Pegam os forcados de Santarém e Montemor.

A terceira corrida será a 9 de Setembro, uma corrida integralmente composta por matadores de toiros, numa noite de celebração dos 40 anos de alternativa do grande matador português, Vítor Mendes. Lidam-se oito toiros de Nuñez de Tarifa e Voltalegre para os matadores espanhóis Finito de Córdoba e José Garrido, e os matadores portugueses, Manuel Dias Gomes e João Silva “Juanito”.  

A 1 de Outubro o rejoneador Pablo Hermoso de Mendoza regressa ao Campo Pequeno, numa noite em que se celebram os 15 anos de alternativa do cavaleiro João Moura Caetano. Lidam-se toiros de António Charrua para o cavaleiro Luís Rouxinol, rejoneador Pablo Hermoso e cavaleiro  João Moura Caetano. As pegas estarão a cargo dos forcados amadores de Arronches, Monforte e Académicos de Coimbra, que se estreiam no Campo Pequeno.

Para Luís Miguel Pombeiro, responsável da empresa Ovações e Palmas,esta é uma temporada de alto nível, que conta com grandes nomes do toureio português e espanhol. Espero uma enorme adesão do público a todas as corridas porque vai ser uma temporada única, digna da nossa Catedral!” Remata destacado que “a cultura é para ser vivida e nenhuma arte é mais emotiva, mais intensa e mais portuguesa do que a Tauromaquia, ficando o convite para a celebração da cultura portuguesa no coração de Lisboa.

Ultimos Artigos

Artigos relacionados