Dois cavaleiros e dois matadores, sábado na Moita

Devido ao mau tempo previsto para os últimos dias a empresa Tauroleve viu-se obrigada a alterar a “programação” para a Feira Taurina da Moita de 2022.

Com três corridas de toiros e uma novilhada anunciadas para os próximos dias 13, 14, 15 e 16 de setembro a empresa Tauroleve viu-se obrigada a ADIAR a corrida do próximo dia 13 de setembro (corrida mista para João Salgueiro, João Telles e Daniel Luque) e a CANCELAR a corrida do dia 14 de setembro (corrida dos matadores para Antonio Ferrera, Cuqui e Juanito).

Com o objetivo de manter a categoria desejada para a Feira da Moita 2022 e mantendo o compromisso com a afición, a corrida dos matadores, a 14 de setembro, deixa de existir, sendo a corrida de 13 de setembro, corrida mista, adiada para sábado dia 17 de setembro.

O cartel que compunha a corrida de 13 de setembro, terça-feira, para além da presença dos cavaleiros João Salgueiro e João Telles contava também com a presença do matador Daniel Luque. Face à nova data agendada para o festejo, sábado, 17 de setembro, o matador espanhol teve que sair do cartel devido a incompatibilidades de agenda.

Posto isto, e para compensar os matadores portugueses que viram a sua corrida ser CANCELADA, e para manter viva a tradição do toureio a pé na Moita, a empresa Tauroleve decidiu incorporar os mesmos na corrida de 17 de setembro.

Deste modo, sábado, dia 17 de setembro, será realizada uma corrida mista com dois cavaleiros e dois matadores, na lide de oito toiros – João Salgueiro, João Telles, Joaquim Ribeiro “Cuqui” e João Silva “Juanito” na lide de oito toiros das ganadarias Passanha (para cavalo) e Murteira Grave (para pé).

Marque o seu bilhete através do 300 505 171

 

Artigos Similares

Destaques