Bolívar ganha pela primeira vez a Catedral de Manizales

O matador do Vale do Cauca ganha pela primeira vez na carreira o prémio da Feira de Manizales, a Catedral de Manizales.
Terminada a sexagésima sétima temporada em Manizales, ontem domingo, o júri que atribui os prémios oficiais da feira. A “Catedral de Manizales” foi entregue a Luis Bolívar, que assim consegue esta distinção pela primeira vez na sua carreira.
O prémio de melhor toiro da feira foi para Despistado, número 608, de Las Ventas del Espíritu Santo. Santa Bárbara foi eleita a melhor ganadaria enquanto Emílio de Justo foi distinguido como o autor da melhor faena do ciclo.
A associação Taurus jovem concedeu a Roca Rey o prémio de triunfador; Andrés Manrique também foi premiado, como o melhor novilheiro; Marco Pérez, como o toureiro revelação; e Emerson Pineda, como o melhor subalterno.

Ultimos Artigos

Artigos relacionados