Será difícil autorização de 50% do aforo em Sevilha  

O Secretário-Geral do Interior e Espetáculos Públicos da Andaluzia, lembrou que “será difícil eliminar a distância de um metro e meio entre os espectadores”.

A possibilidade de que a administração andaluza anuncie a permissão para ocupar 50% da praça da Real Maestranza de Sevilha, neste momento vive um compasso de espera.

O comitê de especialistas em saúde que relata periodicamente sobre restrições ou aberturas de salas de espectáculos, reúne amanhã, quinta-feira, 4 de março, mas de dentro da Junta de Andalucía não se espera que amanhã haja luz verde para a capacidade que a empresa Pagés deseja para celebrar a Feira.

Numa entrevista recente na rádio Cope Sevilha, o Secretário-Geral para o Interior e Espetáculos Públicos, lembrou que “será difícil eliminar a distância de um metro e meio entre os espectadores na Real Maestranza de Sevilla”.

Ultimos Artigos

Artigos relacionados