Tarde dura na primeira de Santo Isidro

A Monumental de Madrid deu início a uma das feiras de maior impacto no mundo taurino, a Feira de Santo Isidro. Os Toiros de “La Quinta”, de encaste Santa Coloma, com trapío e com presença, eram uma autêntica pintura! A pintura ficou-se pelo quadro, nesta tarde fria com um cartel juvenil, Alberto Aguillar, David Galván e Javier Jiménez não tiveram qualquer hipótese de se luzir, senão mostrar o profissionalismo que acarretam.

Alberto Aguillar deixou o seu “sabor” pela sua técnica e também pelos seus naturais que conseguiu “sacar” aos seus oponentes.

David Galván, dentro de todo o infortúnio da tarde, foi colhido no primeiro do seu lote, deixando-o inconsciente, tendo mesmo de ser assistido na enfermaria da praça e de seguida no Hospital. Não teve qualquer chance de mostrar o seu toureio.

Javier Jiménez foi quem se mais destacou em Las Ventas. No seu primeiro de La Quinta, tentou e conseguiu esmiuçar o seu oponente, arrancando uns naturais de frente, um a um com muito temple e “despacio”.

Nesta tarde chuvosa, fria de temperatura e de acontecimentos, não houve muito que se destaque na primeira corrida da feira, senão mesmo o querer e a ambição dos jovens matadores de toiros. Amanhã pela mesma hora, a Monumental de Las Ventas abre de novo as suas portas.

 

Alberto Aguilar: silêncio, silêncio e silêncio.

David Galván: colhido no seu primeiro toiro.
Javier Jiménez: silêncio, ovação e silêncio.

 

Nota: Apontamentos de Duarte Justino

foto: Plaza1

Ultimos Artigos

Artigos relacionados