Sorte suprema tira troféu a El Cid em Santander

A Praça de Toiros de Quatro Caminos em Santander, recebeu a quarta corrida da Feira de Santiago. O consagrado matador, El Cid, teve uma grande faena, onde apenas pecou na hora de matar com o “pinchazo” que lhe tirou o troféu merecido.

Toureiro de maior antiguidade no cartel, Manuel Jesús El Cid, apresentou-se em Santander de alma renovada e marcou a tarde com o seu toureio. Foi silenciado e forte ovação no segundo do seu lote.

O matador de murcia, Paco Ureña, vindo da forte colhida em Valência, apresentou-se em Santander para tourear com três costelas partidas em mais uma demonstração da sua valentia. Foi ovacionado e silenciado nesta tarde.

José Garrido, uma das promessas já firmadas no toureio, mostrou para o que vinha no seu primeiro astado, a tourear de capote de forma irrepreensível, cada vez mais a sua imagem de marca, foi ovacionado e silenciado no último da tarde.

Registou-se um empate técnico entre os matadores numa tarde em que os toiros de Adolfo Martín foram desiguais em apresentação e comportamento.

 

https://vimeo.com/226977439

Artigos Similares

Destaques