Primeira Porta Grande da Feira de Santo Isidro

O abono de Madrid contou com mais uma corrida de rejoneio, a qual foi colocada na bilheteira “No hay Billetes”. Contou com a presença de três rejoneadores, Andy Cartagena, Leonardo Hernández e Diego Ventura. Saiu ao ruedo espanhol um bom Curro de Los Espartales.

Andy Cartagena andou asseado nos dois toiros de seu lote. Deixou ferros de boa nota, rematando as sortes com muito temple, parecendo o seu cavalo uma muleta na cara do Toiro. Teve um toureio alegre que facilmente conectou com o público que esgotava a Praça de Toiros de Las Ventas.
Leonardo Hernández, um outro rejoneador que facilmente chega ao público com os seus adornos comprometidos, teve uma passagem muito digna por Madrid. Não teve muita sorte com o seu Lote, tendo que o ginete por tudo “dele” em ambas às lides.
Diego Ventura, somou aquela que foi a primeira Porta Grande da “Feria”! Ferros arriscados, toiros com génio e com perigo. O seu cavalo “sueño” é na realidade de sonho mesmo! A galope até ao toiro, uma batida singida ao píton contrário e o ferro carregado de emoção a todo o alto. Duas faenas com temple, muita toureria e muita verdade.
O público de Madrid rende-se aos pouco ao toureio a cavalo, a prova disso são as enchentes que regista o tendido espanhol.

Andy Cartagena, silêncio e ovação .

Diego Ventura, orelha e orelha – Saída em ombros.

Leonardo Hernández, ovação e silêncio

 

Resumo de Duarte Justino

https://vimeo.com/218301180
foto: cutoro

Ultimos Artigos

Artigos relacionados