Morenito de Maracay disse adeus às arenas em Las Rozas (com vídeo)

Conhecido como o Rei dos Quiebros, Morenito de Maracay disse hoje adeus às arenas num festival em sua homenagem em Las Rozas (Madrid).

Além de Morenito de Maracay, o cartel era formado pelos matadores Enrique Ponce, Javier Conde, David Fandila “El Fandi”, Alberto López Simón e Posada de Maravillas (que substituiu o inicialmente anunciado Cayetano Rivera), bem como o novilheiro Daniel Barbero.

Lidaram-se novilhos-toiros das ganadarias de Albarreal, Las Ramblas, Domingo Hernández, La Palmosilla, Zacarías Moreno, Fernando Peña e Garcigrande.

Numa tarde que foi cortado um total de catorze orelhas e cinco rabos, os holofotes incidiram sobre José Nelo “Morenito de Maracay”, que se despediu das arenas aos 63 anos de idade, cortando duas orelhas ao seu novilho de Albarreal e saído em ombros pela porta grande de Las Rozas, num espectáculo que foi presidido por Vicente Ruiz “El Soro”.

Morenito de Maracay, assim apelidado por ser natural da cidade venezuelana de Maracay, tomou a alternativa a 24 de Setembro de 1978 em Barcelona, tendo sido seu padrinho Dámaso González e testemunhado o acto José María Manzanares. Confirmou a alternativa na Praça de Toiros de Las Ventas, em Madrid, a 31 de Maio de 1981, apadrinhado por Luís Francisco Esplá e tendo por testemunha Nimeño II, com toiros de Félix Cameno.

 

FICHA DO FESTEJO

  • Praça de Toiros de Las Rozas (Madrid), Festival de Homenagem a Morenito de Maracay
  • Novilhos-toiros de Albarreal, Las Ramblas, Domingo Hernández, La Palmosilla, Zacarías Moreno, Fernando Peña e Garcigrande
  • Morenito de Maracay: duas orelhas
  • Enrique Ponce: duas orelhas e rabo
  • Javier Conde: duas orelhas
  • El Fandi: duas orelhas e rabo
  • López Simón: duas orelhas e rabo
  • Posada de Maravillas: duas orelhas e rabo
  • Daniel Barbero: duas orelhas e rabo

 

https://vimeo.com/258432965

 

 

 

 

 

Fotografia: Cultoro

Ultimos Artigos

Artigos relacionados