Mara Pimenta: “O ano 2020 será o ano da minha alternativa”

A cavaleira Mara Pimenta revela à Tauronews que em 2020 vai tirar a Alternativa e tornar-se cavaleira profissional. A jovem conta ainda como correu a sua temporada em 2019 e os planos que tem para a próxima época.

Que balanço faz da temporada 2019?

Penso que a minha temporada 2019 foi positiva, tentei dar a cara em todas as praças que passei, e deixar ambiente para 2020.

Quantas corrida fez? Acha que foram suficientes ou queria ter feito mais?

Realizei 10 espectáculos, valorizo mais a qualidade do que a quantidade de corridas mas está claro que um toureiro gosta sempre de tourear mais e mais, com vontade de vencer.

Qual a praça que lhe faltou fazer esta temporada e onde quer muito estar presente na próxima época?

Esta temporada sem espaço para dúvidas gostaria de ter feito parte do cartel da reinauguração da praça da minha terra, Arena D`Almeirim, foi a praça que gostaria de ter estado presente mas, certamente, não haverá falta de oportunidades. Na próxima época gostaria como é óbvio tourear em Almeirim e no Campo Pequeno.

Qual o momento, bom ou mau, que realça desta temporada?

Iniciei a minha temporada num festival de peso, num cartel com figuras do toureio, em Alcochete, graças ao meu mestre Diego Ventura, que em muito me tem ajudado. Foi um bom momento, e estive presente pela primeira vez na novilhada do Campo Pequeno. São dois momentos bons que marcam esta minha temporada, momentos não maus, mas sim menos bons nesta profissão existem sempre, e é com eles que aprendemos, crescemos e não perdemos a nossa humildade e gratidão para com as pessoas que estão a nosso lado.

Mantém o apoderado, quadra e quadrilha? Ou vão existir mudanças?

É com muito prazer que continuo com toda a minha equipa junta, o meu apoderado e amigo Pedro Penedo e a minha quadrilha. Em termos de quadra tenho um novo cavalo que, certamente, vão ver esta temporada!

Já se encontra a preparar a próxima temporada 2020?

O ano 2020 posso adiantar que, se tudo correr bem, será o ano da minha alternativa, o ano de realizar o meu sonho de me tornar cavaleira profissional e tomar alternativa, o que exige um grande esforço e dedicação a esta paixão. Aproveito também para esclarecer algumas dúvidas existentes, estou na faculdade a tirar o meu curso, mas isso não impede que esteja dedicada a 200% à minha profissão como cavaleira.

Artigos Similares

Destaques