Exposição de Rui Salvador patente até 14 de Julho

Exposição dos 35 anos de Alternativa de Rui Salvador vai ficar patente até dia 14 de Julho, devido ao elevado número de visitantes. 

Numa organização da Câmara Municipal de Benavente, integrada na XIV Semana Taurina de Samora Correia, está patente na galeria do Centro Cultural da cidade, uma exposição comemorativa e evocativa dos 35 anos de alternativa de uma das mais marcantes figuras do nosso toureio a cavalo – Rui Salvador.

Nasceu em Lisboa, no primeiro dia de 1965, mas foi nas margens do Nabão que cresceu e é lá que, na bela Quinta do Falcão, treina os cavalos de toureio e que, da arquitectura ao turismo, se desdobra em múltiplas actividades, passando pela administração da quinta e pela produção selectiva de cavalos e de toiros.

A exposição está patente até dia 14 Julho 2019 e leva-nos a viajar por 35 anos de glória do valoroso cavaleiro dos “ferros impossíveis” e recorda-nos alguns dos maiores momentos da digna e histórica trajectória do valoroso cavaleiro de Tomar.

Numa organização da Câmara Municipal de Benavente, integrada na XIV Semana Taurina de Samora Correia, está patente na galeria do Centro Cultural da cidade, uma exposição comemorativa e evocativa dos 35 anos de alternativa de uma das mais marcantes figuras do nosso toureio a cavalo – Rui Salvador.

Nasceu em Lisboa, no primeiro dia de 1965, mas foi nas margens do Nabão que cresceu e é lá que, na bela Quinta do Falcão, treina os cavalos de toureio e que, da arquitectura ao turismo, se desdobra em múltiplas actividades, passando pela administração da quinta e pela produção selectiva de cavalos e de toiros.

A exposição está patente até dia 14 Julho 2019 e leva-nos a viajar por 35 anos de glória do valoroso cavaleiro dos “ferros impossíveis” e recorda-nos alguns dos maiores momentos da digna e histórica trajectória do valoroso cavaleiro de Tomar.

Artigos Similares

Destaques