Polémica com José Tomás deixa Enrique Ponce fora da Corrida de Beneficênca na Plaza México

Já era conhecida a rivalidade entre Enrique Ponce e José Tomás, a qual reacendeu depois de Ponce se ter oferecido publicamente para tourear na Grande Corrida de Beneficência a favor das vítimas dos sismos do México na Plaza México a 12 de Dezembro.

O certo é que a empresa gestora do coso mexicano e José Tomás, que reaparecerá neste espectáculo solidário, já tinham o cartel pensado e praticamente fechado, e do mesmo não constava o nome de Enrique Ponce, matador que sempre recebeu enorme carinho por parte do público mexicano e, em particular, do público da Cidade do México.

Depois de ter conhecimento do que se encontrava programado, Ponce recuou na sua intenção e anunciou que não actuaria na Corrida de Beneficência, mesmo que a organização o viesse a convidar.

Não é a primeira vez que as quezílias entre ambos os maestros vem a público. Em Setembro de 2016, Ponce também ficou de fora da Corrida de Homenagem a Victor Barrio, em Valladolid, tendo vindo o diestro de Valência a público dizer que a sua ausência não se relacionava com problemas contratuais, mas sim com “um capricho de José Tomas de ter que actuar nesse dia”.

O cartel ainda não foi oficialmente divulgado, mas a Corrida de Beneficência a favor das vítimas dos terramotos do México, denominada de “Corrida Monstrua” realiza-se a 12 de Dezembro e tem já garantidas as presenças de José Tomás, Pablo Hermoso de Mendoza, El Juli, José María Manzanares, Joselito Adame, Luís David Adame e El Payo, faltando ainda ser descortinado o nome do outro matador e das ganadarias dos oito toiros a serem lidados.

 

 

 

 

Fotografia: Blogue “Vuelta al Ruedo”

 

 

 

Artigos Similares

Destaques