Datxu Peris condenada a indemnizar a família Victor Barrio por comentários insultuosos

A vereadora do Município de Catarroja, em Valência, Datxu Peris, foi condenada ao pagamento de uma indemnização fixada em 7.000€, paga à família de Víctor Barrio, em virtude da publicação de comentários insultuosos no Facebook  acerca da morte do matador no ano passado.

Datxu Peres escreveu no seu perfil no Facebook que o a vantagem da morte de Victor Barrio era o facto de que assim deixava de matar, vindo há algumas semanas atrás dizer que não se arrependia das suas palavras.

Segundo o acórdão emanado pelo Tribunal de 1.ª Instância de Sepúlveda, em Segóvia, os comentários da vereadora constituíram uma “intromissão ilegítima na honra de Víctor Barrio” e que a decisão tomada se traduz numa “sentença firme”, à qual cabe ainda recurso de apelação.

O tribunal indicou ainda na sentença que, durante as audiências, Datxu Peris centrou os seus argumentos sempre em torno da defesa dos direitos dos animais.

Neste sentido, o tribunal decretou que, no caso, o cerne da questão não era a temática da tauromaquia, “porque todos são livres para escolher o que gostam”; o concretamente discutido foi antes o conteúdo da mensagem publicada pela autarca: se se tratava de uma violação do direito à honra de Víctor Barrio ou se o comentário integrava a esfera do direito à liberdade de expressão.

O tribunal acabou por entender que os comentários atentavam o nome e a honra do matador, condenando Datxu Peris ao pagamento de uma indemnização de 7.000€ à família de Víctor Barrio, como assim à eliminação de todos os comentários de natureza anti-taurina das suas redes sociais.

 

 

 

 

 

 

Fotografia: El País

Ultimos Artigos

Artigos relacionados