Costa dá luz verde aos primeiros espectáculos da temporada 

O primeiro-ministro deu rosto ao novo conjunto de medidas contra a pandemia de covid-19 e na sequência do Conselho de Ministros desta quinta-feira e anunciou as medidas para os espectáculos culturais onde se inclui a tauromaquia.

O líder do governo justificou estas “alterações ligeiras” das medidas fazendo o que “por unanimidade” os especialistas, na sequência da reunião do Infarmed, disseram ontem sobre a evolução da pandemia e da variante ómicron.

“Apesar da alta transmissibilidade e previsível crescimento do número de infetados poderemos avançar na próxima semana com as seguintes medidas”: A exigência de testes negativos para entrar em cinemas e espectáculos culturais (praças de toiros) deixa de estar em vigor a partir de 10 de Janeiro, voltando a ser apenas requerido o certificado digital de vacinação.

O certificado digital continua a ser obrigatório para o acesso a espectáculos culturais. Em alternativa à realização de testes que só serão aplicáveis a quem não tiver o plano de vacinação completo.

Quanto à limitação de lugares, as praças de toiros estão neste momento a 100% e ao que António Costa anunciou hoje tudo se mantém.

Com estas medidas anunciadas os primeiros espectáculos da temporada (Mourão a 1 e 5 de Fevereiro e Granja a 12 de Fevereiro) podem-se realizar sem limitações de maior.

 

Ultimos Artigos

Artigos relacionados