Ana Rita criticada por romper apoderamento

Pla Ventura, crítico taurino amigo do anterior apoderado José Luís Cazalla critica a decisão num artigo que apodou “el error de Ana Rita”.

O crítico refere que o terceiro lugar de Ana Rita do escalafon dos rejoneadores em Espanha, tem matizes de “milagre” e esforço do apoderado José Luís Cazalla.

A cavaleira rompeu com o apoderado que durante os últimos dois anos a acompanhou, sem dar quaisquer explicações, da mesma forma que anunciou o novo apoderamento sem comentários de maior.

Pla Ventura refere não saber como reagiu o Cazalla ao receber a notícia mas está certo que esta o terá destroçado uma vez que apesar de sempre se ter esforçado muito pelos cavaleiros que representa, o fez ainda com maior afinco em relação a Ana Rita.

Por outro lado, o crítico refere que a comparação de Ana Rita com Léa Vicens (que ficou em primeiro lugar no escalafon) não é viável, já que se a primeira cresceu a “ferro e fogo”, a segunda viveu desde sempre na alta esfera deste mundilllo.

Julián Alonso, o novo apoderado de Ana Rita, tem a fasquia alta no trabalho que terá que desenvolver, já que a cavaleira subiu ao pódio do escalafon com esforço e trabalho árduo.

 

 

Artigos Similares

Destaques