Coruche: Autarca contra aumento da idade para assistir a corridas de toiros

Segundo O Mirante, o autarca de Coruche, Francisco Oliveira, é contra a medida que prevê classificar as corridas como espectáculos para maiores de 16 anos que consta do programa do Governo. Leia na integra a notícia do semanário regional.

“O presidente da Câmara de Coruche, Francisco Oliveira (PS), também dirigente da Secção de Municípios com Actividade Taurina, mostra-se preocupado com a proposta de interdição das corridas de toiros a menores de 16 anos, que consta no programa de Governo.

Segundo disse o autarca durante a última reunião do executivo municipal, essa medida vai ser a morte anunciada da tauromaquia, daí a necessidade da realização de um manifesto por parte de quem luta por preservar a identidade taurina.

“Imaginem a situação de um pai que queira ir a uma corrida de toiros e tem de deixar o filho à porta. É importante tomar uma posição acerca destas matérias”, afirmou o autarca, realçando que a tauromaquia é importante a todos os níveis para as regiões com tradição taurina.

Francisco Oliveira respondia à vereadora Liliana Pinto (PSD), que questionou o autarca qual a posição da câmara e a sua, como representante dos municípios com actividade taurina, sobre esta proposta de subida da idade mínima para assistir às corridas de toiros.

Actualmente, a tauromaquia está classificada como um espectáculo para “maiores de 12 anos”, mas é possível que crianças a partir dos três anos possam assistir ao espectáculo, desde que acompanhadas por um adulto”.

Artigos Similares

Destaques