Morrer a viver

Quem nos dera a todos morrer como tu, Fernando. Com o coração a bater. Porque tu morreste com o coração a bater. Tu morreste cheio de vida. Não de vida por viver, mas de vida já vivida, e é essa que conta no fim das contas. A vida não é de poupanças, porque tem um…